terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Quatro confrontos abrem os jogos Pré-carnavalescos nesta terça em Apodi

(Foto: Josemário Alves)
Começam nesta terça-feira (15) os jogos Pré-carnavalescos de Apodi, no interior do Rio Grande do Norte. Quatro confrontos irão abrir oficialmente a 2ª divisão da competição de futsal mais esperada pelos desportistas de toda a região.

As partidas terão início às 18h no ginásio poliesportivo Wilson Custódio Diógenes. Com entrada gratuita, a organização espera um grande público para a abertura.

Nesta primeira noite se enfrentarão as equipes Boragir x VQC, Marmotas contra Grossos, Soledade x Base Sport Futsal e Olé contra Melancias.

Ao todo, 24 times estão inscritos na 2ª divisão dos jogos Pré-carnavalescos de Apodi. A fase de grupos tem início nesta terça e segue até o dia 20.


Polícia analisa imagens de câmeras de segurança que filmaram tragédia com casal em Apodi

(Foto: Reprodução | Redes Sociais)
A Polícia Civil de Apodi está analisando as imagens das câmeras de segurança que filmaram o acidente fatal com a economista Cinara Sales, de 27 anos, e o agricultor Elimário Moreira, de 36 anos, na BR-405.

A tragédia aconteceu no dia 1º de janeiro e envolveu também o motorista Pedro Torres Neto, que fugiu sem prestar socorro às vítimas.

Segundo a polícia, as câmeras de segurança de uma prestadora de serviço do DNIT flagraram o momento do impacto entre o veículo e a moto Biz que levava o casal. As imagens foram requisitadas, através de uma ordem judicial, para que fossem usadas nas investigações.

O delegado Rafael Câmara revelou ao Blog do Josemário que a filmagem será usada para esclarecer o caso e verificar se o depoimento do motorista é verdadeiro.

“Nós já escutamos o acusado, já escutamos alguns parentes das vítimas e vamos escutar algumas testemunhas ainda. Essa filmagem vai colaborar para confirmar ou não a versão da vítima”, destacou.

Rafael ainda comentou que o inquérito está perto de ser concluído. “Assim que eu tiver o boletim de ocorrência da PRF e escutar o resto das testemunhas, eu vou levantar o processo e enviar ao poder Judiciário”, acrescentou o delegado.

Cinara e Elimário residiam na zona rural, no entanto, no momento do acidente eles se dirigiam para a zona urbana de Apodi. O veículo que os atropelou seguia no mesmo sentindo na BR-405, indo da Barragem de Santa Cruz para Felipe Guerra.

A força do impacto matou o casal na hora. O motorista Pedro Torres deverá ser indiciado por duplo homicídio culposo e omissão de socorro.

Apesar das chuvas, barragem de Santa Cruz perde 1,4 milhão de m³ nos primeiros 15 dias do ano

(Foto: Josemário Alves)
Principal fonte de abastecimento da região Oeste e Alto Oeste, a barragem de Santa Cruz, no município de Apodi, perdeu mais de 1,4 milhão de metros cúbicos de água nos primeiros 15 dias do ano. Os dados são do Instituto de Gestão das Águas do Rio Grande do Norte (IGARN).

Os números mostram que, mesmo com as boas chuvas que caíram na região, o nível de água não sofreu alteração positiva. Pelo contrário, a barragem iniciou 2019 com 135,2 milhões de m³ de água e está atualmente com 133,8 milhões de m³.

Essa grande perda de mais de 1,4 milhão de m³ é devido a evaporação e a retirada de água pela comporta e por adutoras.

A barragem de Santa Cruz possui capacidade para acumular 600 milhões de m³ de água. A última vez que ela transbordou foi no ano de 2009. 
 

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Nova biblioteca de Apodi será inaugurada na próxima sexta (18)


(Foto: Josemário Alves)
Será inaugurada na próxima sexta-feira (18) em Apodi, a mais nova biblioteca do município. Denominada de Indústria do Conhecimento, a obra é uma parceria SESI e Prefeitura local. O evento está marcado para às 17h.

A biblioteca levará o nome “Indústria do Conhecimento Doutora Marise Maia Holanda de Melo”, médica e educadora de amplo trabalho prestado ao município de Apodi e esposa in-memoriam do vice-presidente da FIERN, Pedro Terceiro de Melo.

Construída dentro de uma praça pública, a biblioteca visa promover a leitura e a educação. Ela funcionará em tempo integral, através da manutenção do município, permitindo que toda a comunidade tenha acesso à leitura e internet.

“Quando assumimos em 2017, buscamos logo de dar o pontapé nesta obra, pois o projeto já havia chegado ao município há cerca de quatro anos. O que estava faltando era apenas a Prefeitura doar o espaço para que ela fosse construída”, explicou o prefeito Alan Silveira.

Além da biblioteca, será entregue à população a revitalização da praça Júlio Marinho, local onde a Indústria do Conhecimento foi erguida.

“Quando a obra foi concluída, resolvemos dar uma cara nova a esta praça que estava totalmente abandonada há anos. Foi feito os serviços de pintura, recuperação de calçadas, instalação de bancos, poda das árvores e ela ficou muito mais bonita e agradável”, acrescentou o prefeito.

Esta será a 28ª Indústria do Conhecimento inaugurada pelo SESI no Rio Grande do Norte.

Em Apodi, Fátima dá prioridade aos aliados de primeira hora

(Foto: Arquivo | Campanha 2018)
Os bastidores da política fervem em Apodi com as possíveis indicações da governadora Fátima Bezerra às vagas do Estado no município. Os cargos de diretores da 13ª DIREC e do Hospital Regional são os mais cobiçados.

A conversa nas ruas é que a chefa está priorizando os aliados que estiveram contigo desde o início da campanha, os chamados de “primeira hora”. As vagas da 13ª DIREC, por exemplo, serão ocupadas pelas professoras Luzia Pinto (PT) e Aloma Cavalcante (PCdoB). Esta última sendo uma indicação do ex-prefeito Flaviano Monteiro.

Enquanto isso, os aliados que caíram de paraquedas, após a derrota de Robinson Faria no primeiro turno, estão em banho-maria. Vereadores e ex-vice-prefeito vão ter que aguardar na lista de espera.

A direção do Hospital Regional Hélio Morais Marinho ainda não está definida, ou pelo menos, ainda não foi divulgada. Fontes internas revelaram ao blog que há interesse do PCdoB de Flaviano em assumir também esse cargo, deixando muitos “paraquedistas” descontentes.

Entretanto, até a nomeação oficial, tudo não passa de especulações.

Governo editará medidas sobre posse de armas e fraudes na Previdência

(Foto: Josemário Alves | Arquivo)
Da Agência Brasil
 
Esta semana será de mudanças na legislação com a edição de um decreto e uma medida provisória (MP), ambos aguardando aprovação do presidente Jair Bolsonaro. Uma delas flexibilizará a posse de armas de fogo no país. A outra combaterá fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

As duas propostas passaram os últimos dias em fase de ajustes finais pela equipe técnica do governo e chegarão à mesa de Bolsonaro esta semana.

Facilitar o acesso do cidadão à arma de fogo foi uma das principais propostas de Bolsonaro durante a campanha eleitoral. Em menos de um mês de governo, ele cumprirá sua promessa e vai desburocratizar a posse desse tipo de arma.

Licença

A MP deve tirar do delegado da Polícia Federal (PF) a decisão de conceder ou não a licença apenas com base na justificativa do solicitante. “[Atualmente,] se o delegado não for com a sua cara, ele pode dizer não porque esse requisito da necessidade comprovada é subjetivo, depende do arbítrio do delegado. Com o decreto, isso desaparece”, disse o deputado Alberto Fraga.

Na semana passada, Fraga foi chamado por Bolsonaro para tratar do assunto, uma vez que relata na Câmara um projeto de flexibilização do Estatuto do Desarmamento.

Segundo o deputado, ainda será necessário embasar o pedido de posse de arma, mas a justificativa não poderá ser usada como fundamento para uma negativa. Conforme o parlamentar, serão exigidos que o cidadão não tenha antecedentes criminais e a aprovação em teste de aptidão psicológica.

O decreto deverá aumentar para dez anos o prazo para renovação do registro de arma de fogo, além de conceder uma espécie de anistia para armas sem registro ou com o registro vencido. Será concedido um prazo para o cadastro dessas armas na Polícia Federal, desde que não tenham sido usadas para cometer crimes.

Fraudes

Bolsonaro também está prestes a assinar uma MP que visa a diminuir de R$ 17 bilhões a R$ 20 bilhões as perdas na seguridade social até dezembro. O secretário especial da Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, esteve reunido com os ministros da Economia, Paulo Guedes, e da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, na semana passada, para tratar do texto que promete fechar o cerco às fraudes em benefícios previdenciários.

“[O presidente] assinando, passa a ser do conhecimento público e a gente vai poder explicar em detalhes o que pretende nesse projeto, que combate a fraude, aperfeiçoa os mecanismos de validação de benefício em todo o país e atende a uma preocupação da sociedade como um todo”, disse na ocasião.

Conforme o secretário, a MP também vai trazer “segurança jurídica” para o INSS. “Estamos prevendo algumas alterações na legislação que vão dar uma segurança jurídica ao próprio trabalho do INSS. Ao longo dos últimos anos, várias ações feitas pelo INSS para aperfeiçoar o sistema esbarraram na falta de fundamentação legal. Essas dificuldades que foram identificadas estão sendo corrigidas”.

De acordo com ele, existem mais de 2 milhões de benefícios que devem ser auditados pela Receita Federal. São benefícios que têm indícios de ilicitude e devem passar por um mutirão de investigação. “Há relatórios de ações anteriores, inclusive convalidados pelo TCU [Tribunal de Contas da União], que demonstram uma incidência de 16% a 30% de fraudes nesse tipo de benefício”.
 
 

domingo, 13 de janeiro de 2019

Após viagem de Alan à Brasília, Governo Federal inicia liberação de obras paralisadas em Apodi

(Foto: Comunicação Apodi)
As obras que haviam sido canceladas pelo Governo Federal no final do ano passado começaram a ser liberadas no município de Apodi. Dos três canteiros de obras que haviam sido atingidos pela decisão, dois já receberam a autorização para serem continuados.

A liberação aconteceu após viagem do prefeito de Apodi Alan Silveira à Brasília, onde se reuniu com o deputado federal Walter Alves e representantes dos ministérios responsáveis para pedir o desbloqueio.

Segundo Alan, o Fundo Nacional do Desenvolvimento da Educação (FNDE) bloqueou e colocou em cancelamento todas as obras com recursos federais que foram adquiridas até o ano de 2014 e que não foram iniciadas pelos municípios.

“Aqui em Apodi três obras entraram na lista do FNDE em cancelamento. A escola modelo rural de São Lourenço, que é do ano de 2010, o ginásio do Córrego, que é de 2013, e a quadra do Lourdes Mota, onde o recurso é de 2014”, explicou.

Ainda em dezembro, quando tomou conhecimento da decisão do Governo Federal, o prefeito Alan reuniu toda a documentação necessária e foi até Brasília pedir o desbloqueio e esclarecer que as obras já estão em andamento.

Diante disso, o FNDE garantiu que as obras seriam continuadas. Na semana passada, o município recebeu a notícia de que a construção da Escola Rural e do Ginásio do Córrego foi liberada.

“Agora estamos aguardando a liberação da cobertura da quadra do Lourdes Mota para dar continuidade às obras. Acredito que em breve estaremos recebendo mais essa boa notícia”, acrescentou Alan.

sábado, 12 de janeiro de 2019

Pescador é baleado durante ataque a tiros na cidade de Apodi

(Foto: Josemário Alves)
O pescador Raimundo Ferreira de Lima, de 55 anos, foi alvo de um ataque a tiros na noite dessa sexta-feira (11), na cidade de Apodi. Ele foi baleado duas vezes na calçada de sua casa, no bairro Bacural I, e levado para Mossoró em estado grave.

Segundo a Polícia Militar, o atentado foi praticado por dois homens em uma moto. Eles teriam se aproximado da vítima e, sem falar nada, efetuado dois disparos.

Os tiros atingiram as regiões do pescoço e abdômen do pescador. Ele foi socorrido ao Hospital Regional Hélio Morais Marinho, em Apodi, mas devido à gravidade foi transferido para o Hospital Regional Tarcísio Maia, em Mossoró.

O motivo do ataque ainda é desconhecido.

Os dois suspeitos fugiram com destino ignorado e, apesar das buscas, nenhum deles ainda foram presos. A primeira tentativa de homicídio do ano será investigada pelo delegado Rafael Câmara, titular da Delegacia de Polícia Civil de Apodi.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Apodiense é encontrado morto com pescoço quebrado dentro de penitenciária de Mossoró

(Foto: Reprodução | Polícia Civil)
O apodiense Thiago Stuart Maia Chaves Sizenando, de 35 anos, foi encontrado morto na manhã desta quinta-feira (10), dentro do centro de triagem da Penitenciária Agrícola Mário Negócio, na cidade de Mossoró. Ele estava com o pescoço quebrado e várias lesões pelo corpo.

Thiago estava cumprindo pena em regime fechado desde o último dia 04 deste mês, quando foi preso em Apodi com um tablete de maconha e um celular roubado. Naquela ocasião, ele já era preso de Justiça e estava sendo monitorado por tornozeleira eletrônica em regime semiaberto.

De acordo com o blog O Câmera de Mossoró, no local do crime a direção da penitenciária não quis falar com a imprensa acerca do caso. As equipes de perícia e da Medicina Legal do ITEP também não se pronunciaram sobre a qualificação das lesões.

A família de Thiago Stuart acredita que ele foi assassinado. Segundo um familiar, mesmo sob efeito de drogas ninguém bate com a cabeça aponto de quebrar o pescoço.

O corpo do apodiense será submetido a exames para esclarecer o que aconteceu. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídios da Polícia Civil de Mossoró.

Vaquejada do sítio Ponta D’água, em Apodi, já tem três grandes atrações confirmadas

(Foto: Divulgação)
A vaquejada do Parque Francisco Ferreira da Silva, no município de Apodi, anunciou três grandes atrações que irão animar uma das noites de festa neste ano. O cantor Júnior Vianna, queridinho dos vaqueiros, está entre elas. O evento acontecerá nos dias 05 a 07 de abril.

Dentre as bandas confirmadas estão Dário Villa, Zé do Fole e Júnior Vianna. Essas três bandas estão previstas para tocar na noite do sábado (06). A programação da sexta e do domingo, 05 e 07 respectivamente, ainda não foram anunciadas.

Também conhecida como vaquejada do sítio Ponta D’água, a festa está em sua 7ª edição e sempre atrai uma grande quantidade de público nos três dias de realização.

A premiação para os vaqueiros será de R$ 15 mil.

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Presídio federal de Mossoró recebe 20 presos transferidos do Ceará após ataques

(Foto: Reprodução | Célio Duarte)
Do Agora RN
 
Como reação à onda de ataques no Ceará, 20 presos locais foram transferidos nesta quarta-feira (09), para o presídio federal de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte.

A operação foi realizada de forma conjunta entre o Departamento Penitenciário Federal (Depen), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o governo do Ceará, com início às 2h e término às 4h30 da manhã. O grupo seria integrantes da facção Comando Vermelho.

A partir de Mossoró, os detentos serão distribuídos entre as demais quatro unidades penitenciárias federais administradas pelo Depen, do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP). Ao mesmo tempo, novas transferências em presídios do Ceará ainda devem ocorrer. O Depen disponibilizou mais vagas. Segundo uma fonte, o número total pode chegar a 60.

As primeiras 20 vagas já haviam sido disponibilizadas desde a sexta-feira, dia 4, mas ainda faltava a chegada das autorizações judiciais, que foram comunicadas nesta terça-feira, 8, ao ministério. A ação coordenada para definir as transferências envolveu o Ministério Público e o Poder Judiciário do Ceará, o MJSP e a Justiça Federal de Mossoró.

A avaliação do Ministério da Justiça é que as ações em resposta à onda de ações criminosas em Fortaleza, na região metropolitana e no interior do Estado, estão surtindo efeito. Comenta-se que já está ocorrendo um arrefecimento dos ataques, que seguem preocupando a população.

Câmara de Apodi aprova projeto que cria novos cargos no funcionalismo municipal

(Foto: Reprodução | Câmara Municipal)
A Câmara de Vereadores de Apodi aprovou, na noite desta quarta-feira(08) em sessão extraordinária, o projeto de Lei do Executivo que cria novos cargos no funcionalismo público municipal. O projeto é de fundamental importância para a realização do concurso público, previsto para o primeiro semestre deste ano.

Conforme o documento, foram criados 16 novos cargos nas mais diversas áreas, como saúde, administração e educação. Com a aprovação, o Município fica autorizado a realizar o certame ofertando 47 vagas em 27 funções distintas.

Dos 12 vereadores presentes na sessão, nove foram a favor do projeto e dois se abstiveram do voto. O presidente da Câmara so exerce o poder do voto em caso de empate.

Um vereador não compareceu à sessão.

A última vez em que o município de Apodi realizou concurso público foi há mais de 15 anos. 

type='text/javascript'/>