terça-feira, 4 de junho de 2013

Moradores se queixam de lixo nas ruas no bairro Boa Vista em Mossoró


Moradores da rua Benjamin Constant, no bairro Boa Vista, queixam-se sobre a falta de regularidade da coleta de lixo no bairro. Eles reclamam da grande quantidade de lixo residencial que têm se acumulado em frente às casas e dos diversos transtornos trazidos pelo acúmulo dos resíduos, tais como aumento do número de moscas, mau cheiro e doenças.

A moradora Socorro Araújo disse que a coleta realizada de modo irregular vêm trazendo vários problemas para quem mora na região. 

"Ninguém sabe explicar o motivo para o carro do lixo não passar mais três vezes na semana. Alguns moradores ligaram para a Secretaria de Serviços Urbanos e foram informados que não houve repasse por parte da Prefeitura para a empresa terceirizada que realiza o serviço, mas nada foi confirmado, não tivemos mais notícias a respeito. Enquanto não regularizam a situação, a gente é quem sofre, pois o lixo fica acumulado em frente às residências trazendo mau cheiro e moscas", relatou Socorro.
Ela ainda complementa dizendo que a situação tornou-se caso de saúde pública. "Nesse período de inverno é usual aumentar a quantidade de moscas em diversas áreas da cidade, com o acúmulo do lixo a situação só piorou. Meu filho passou 15 dias doente em decorrência desse problema. Se continuar assim, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Pronto Atendimento (UPA) vão começar a ficar cheias", destaca a moradora.

A dona de casa Maria Alzinete falou que para minimizar os problemas trazidos pelo acúmulo de lixo contratou um carroceiro para transportar os resíduos. 

"Foi a saída que encontramos para não acumular lixo no quintal ou na frente da casa. Todo dia as pessoas varrem as casas, comem e jogam fora os restos, ou seja, é muito resíduo residencial para ser coletado. Uma vez por semana a coleta não está dando conta da demanda. A coleta às vezes não passa na região por duas semanas seguidas", comentou a moradora. 

A equipe de redação do jornal O Mossoroense tentou entrar em contato com o responsável pela Subsecretaria de Serviços Urbanos para obter mais informações sobre o assunto, mas o titular da pasta estava em reunião.

Informações e Foto: O Mossoroense

type='text/javascript'/>