sexta-feira, 17 de janeiro de 2014

Acidentes de trabalho em Mossoró serão investigados pelo MP do Trabalho

A morte de um pedreiro após sofrer choque elétrico quando trabalhava em uma construção e o acidente com um trabalhador de supermercado que teve o braço sugado por uma máquina motivaram a abertura de dois procedimentos de investigação, no Ministério Público do Trabalho em Mossoró. 


“O objetivo é apurar as possíveis causas dos acidentes a fim de evitar novas ocorrências, bem como alertar as empresas sobre a importância de garantir a proteção à saúde e à segurança, no meio ambiente de trabalho”, destacam os procuradores do Trabalho Gleydson Gadelha e Afonso de Paula Pinheiro Rocha, que atuam na localidade. Os inquéritos foram abertos a partir de notícias publicadas em jornais e blogs locais, dando conta dos acidentes que aconteceram em Mossoró no início deste ano. 

Segundo noticiado, o acidente com o pedreiro Erivaldo Costa dos Santos, de 35 anos, foi em 6 de janeiro, quando sofreu forte descarga elétrica durante o trabalho em uma obra nas proximidades da BR-304 em Mossoró, que teria sido provocado por um objeto metálico utilizado próximo à rede elétrica. Levado a um hospital de Natal, com queimaduras graves pelo corpo, ele não resistiu, tendo falecido no dia 9. Como ainda não se sabe a empresa que ele trabalhava, o MPT vai requisitar a informação ao Corpo de Bombeiros e ao Samu, que prestaram socorro ao trabalhador.

Relembre AQUI o acidente da descarga elétrica

No caso do trabalhador que teve o braço sugado por uma máquina, as notícias informam que a vítima, Ranielly Maville Carlos de Góis (33 anos), trabalha no setor de carnes de um supermercado da rede Queiroz, onde o acidente ocorreu no dia 10 de janeiro. Diante da informação, o MPT notificará a empresa para apresentar, dentre outros documentos: relatórios de análise de acidente de trabalho que porventura tenha elaborado; cópia da CAT – Comunicação de Acidente de Trabalho emitida e dos certificados de cursos de segurança e operação de maquinário que os trabalhadores do setor de carnes tenham realizado.

Relembre AQUI o acidente da máquina do supermercado

Qualquer informação que possa auxiliar as investigações, deve ser encaminhada à Procuradoria do Trabalho daquele município, localizada na Avenida Jorge Coelho de Andrade, nº 274-B, , Bairro Presidente Costa e Silva. O telefone da unidade do MPT em Mossoró é 84 34222900. 

Números dos Procedimentos: 

NF 000005.2014.21.001/1 - 12 (referente ao trabalhador do Hiper Queiroz) 

NF 000004.2014.21.001/3 - 13 (referente ao acidente fatal do pedreiro)
type='text/javascript'/>