sábado, 28 de junho de 2014

Justiça Estadual determina ampliação do contigente policial de Apodi

O Estado tem vinte dias para ampliar o número de policiais na cidade de Apodi. A decisão é da juíza Kátia Cristina Guedes Dias que, a pedido do Ministério Público, determinou que o comando aumente o efetivo na região.

A Ação Civil Pública foi motivada pelo déficit na segurança que atinge todo o estado, mas em percentuais alarmantes em Apodi e região.

De acordo com a juíza, o Estado tem vinte dias para nomear mais vinte policias militares, um escrivão e, ainda, dois agentes de Polícia Civil, sem quaisquer prejuízo ao efetivo existente. Caso descumpra a decisão do MP, a multa é de R$ 5 mil por dia.
Em contato com a reportagem do Portal SOS Notícias do RN, o comandante da 2ª Companhia de PM de Apodi, capitão Marcos Carvalho, relatou que a determinação da juíza vai “aumentar a segurança em toda a área da companhia, reduzindo o número de crimes que cresce a cada dia”.

Atualmente, o contingente policial que atende aos cincos municípios da comarca de Apodi é composto por sessenta e seis PM’s, um delegado e dois agentes de Polícia Civil. Este efetivo, segundo a juíza Kátia Cristina, é totalmente insuficiente para assegurar à população local segurança pública de qualidade.

Josemário Alves - Redação SOS Notícias do RN
type='text/javascript'/>