quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Tubulação de oxigênio explode e provoca evacuação de pacientes do Hospital da Mulher em Mossoró

Por Josemário Alves / SOS Notícias do RN
Com informações: Blog do Ismael Sousa / Defato.com
Fotos: Reprodução / Redes Sociais

Uma explosão com princípio de incêndio no interior do Hospital da Mulher em Mossoró deixou funcionários preocupados e pacientes em situação delicada na noite desta terça-feira, 05 de agosto.

O incidente provocou o esvaziamento da unidade e a transferência dos pacientes pelo Corpo de Bombeiros e pelo SAMU.

Segundo uma funcionária, o imprevisto consistiu na explosão de uma das válvulas da tubulação de oxigênio, que gerou fogo. A explosão teria sido ocasionada pela forte oscilação da energia elétrica após um transformador ter estourado por volta das 21h00.

Já sem luz, o hospital começou a ser evacuado. Os pacientes em situação mais delicada foram os primeiros a serem socorridos, e estes foram conduzidos ao Hospital Wilson Rosado. Os demais foram transferidos e divididos para a Casa de Saúde Dix-Sept Rosado e Wilson Rosado.
Apesar da gravidade, ninguém ficou ferido. O trabalho de transferência de todos os pacientes foi concluído com sucesso em 2 horas.

Um funcionário que estava dentro do hospital no momento do acontecido contou, em detalhes, como tudo aconteceu.

“Eu tava lá limpando o local das crianças, já entubada, já guardando as coisas, aí eu ouvi uma zuada. Já havia acontecido duas quedas de energia e ouvi uma zuada parecida com escape de ar. Quando eu lateralizei para sair, explodiu o encanamento e voou uma válvula na parece e bateu no ventilador. Daí começou a sair fogo, como se fosse um vulcão de São João, soltando faíscas na direção da criança. Eu peguei uma tampa de plástico e botei em cima para proteger a criança, estiquei e sai puxando o menino. Daí começou o desespero, a luz apagou. Foi estranho demais. Graças a Deus deu tudo certo”, relatou.
Através da Assessoria, o secretário Estadual de Saúde, Luiz Roberto Fonseca, destacou que o caso será apurado, inclusive estão sendo requisitado perícias no local da ocorrência.
type='text/javascript'/>