sábado, 13 de setembro de 2014

Ex-governador do RN, Iberê Ferreira, morre aos 70 anos em São Paulo

Por Tribuna do Norte

O ex-deputado federal e ex-governador do Rio Grande do Norte, Iberê Ferreira, morreu na noite deste sábado (13/09) no Hospital Sírio Libanês em São Paulo onde estava internado. Ele estava lutando contra um câncer desde 2010. Naquele ano, no dia 18 de março, antes de assumir a titularidade do Executivo, ele se submeteu à cirurgia para retirada de um nódulo no pulmão.

Dez meses depois, no início de 2011, passou por nova cirurgia para retirada de um tumor na próstata. Ainda em 2011, Iberê foi submetido a uma nova cirurgia para retirada de um tumor no cérebro.

Em abril de 2012 um novo tumor foi diagnosticado também no cérebro do ex-governador.

A radio-cirurgia realizada em 2012 foi responsável por formação de uma necrose, que levou a um novo procedimento em 2013. E já este ano, Iberê Ferreira se submeteu a uma nova cirurgia no cérebro. Todos os procedimentos foram feitos no Hospital Sírio Libanês.

No dia 9 de junho Iberê Ferreira deu entrada na Unidade de Terapia Intensiva da Casa de Saúde São Lucas, em Natal. O quadro já era de meningite bacteriana. Segundo os médicos que o atenderam no hospital da capital potiguar, a bactéria, própria do couro cabeludo, se instalou na cabeça de Iberê através da fístula, feita com a cirurgia no cérebro, procedimento realizado no ex-governador no mês de maio.

A decisão de transferi-lo para São Paulo, no mês de agosto, foi da família, segundo a assessoria de Iberê Ferreira, "que buscou maior privacidade durante o tratamento e também pelo fato da equipe médica paulista acompanhar a saúde de Iberê desde 2010".
type='text/javascript'/>