domingo, 28 de setembro de 2014

PM registra homicídios em três cidades do alto oeste durante fim de semana

Por Josemário Alves / SOS Notícias do RN


A Polícia Militar registrou neste domingo (28/09), três mortes criminosas na região do alto oeste. Os assassinatos aconteceram nas cidades de Antônio Martins, Umarizal e Serrinha dos Pintos em um período de, apenas, oito horas.

Em ambos os casos, a Polícia Civil esteve no local colhendo informações para dar início aos procedimentos investigativos.

Antônio Martins

O primeiro crime aconteceu no município de Antônio Martins, no qual um jovem de 21 anos esfaqueou um tio de 67 anos de idade após uma discussão por volta do meio dia. De acordo com o cabo PM Ivoneide de Araújo, comandante do policiamento local, o acusado foi preso minutos depois durante as diligências. Fransuel Lobo da Silva estava escondido em uma residência próxima ao local do ocorrido.

Durante a discussão, o acusado ainda feriu outras duas pessoas que tentaram evitar o crime, mas estes passam bem. A vítima identificada apenas por “Manoel da Raposa”, ainda foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no hospital local.

Umarizal

Em Umarizal, o jovem Marcos Henrique Onofre Silva, de 30 anos, foi executado a tiros dentro da AABB, no centro da cidade, por um elemento que se aproximou e efetuou vários disparos. 
Vítima (Foto: Cedida / Redes Sociais)
Ao SOS Notícias do RN, o sargento Cristiano informou que o crime tem caráter de vingança, uma vez que Marcos Henrique era suspeito de ter assassinado, juntamente com um colega, um irmão do acusado deste crime no início do ano. A polícia preferiu não divulgar o nome do responsável pelo crime, mas revelou que ele evadiu-se da cidade e pode estar escondido na zona rural.

Após ser atingido, a vítima ainda foi socorrida com vida ao hospital da cidade, mas não resistiu e veio a óbito.

Serrinha dos Pintos

Em Serrinha dos Pintos, uma discussão motivada por um pássaro resultou em crime homicídio. Antônio Rivelino de Aquino, de 33 anos, foi morto com pelo menos, quatro disparos de arma de fogo na sua própria residência.

Segundo informações cedidas pela polícia, o acusado conhecido popularmente como Bob Cabeleireiro, era vizinho da vítima. Após cometer o delito, Bob fugiu pelo matagal e está sendo procurado.
type='text/javascript'/>