quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

Após um ano, Banco do Brasil de Apodi volta a funcionar com todos os serviços

Por Josemário Alves / SOS Notícias do RN

Após a explosão do cofre-forte, que danificou toda a sua estrutura física, a agência do Banco do Brasil de Apodi voltou a funcionar em sua totalidade. Durante quase um ano, a agência deixou de prestar alguns serviços essenciais á população, como por exemplo, os serviços de caixa interno e processamento de envelope.

No final de outubro passado, o gerente do Banco do Brasil local, Robson Leite, anunciou o retorno desses serviços, pondo fim nos longas viagens a outras cidades, feita por pessoas que necessitavam de serviços bancários diferenciados, como relata o gerente da agência.
"Desde o dia 28 de outubro, graças a Deus, a gente voltou a operar 100% a nossa agência. A gente tinha deixado de operar com os terminais internos de caixa, processamento de papel, pagamentos, tudo que era possível fazer aqui dentro a gente tinha deixado de fazer desde o dia 12 de novembro de 2013", disse.

O atentado à agência bancária aconteceu na madrugada do dia 12 de novembro de 2013, e provocou a destruição total de sua estrutura. Na ocasião, um grupo de homens fortemente armados invadiu a agência, explodiram o cofre-forte que estava abastecido, e levou cerca de R$ 10 milhões, conforme informações veiculadas na imprensa estadual.
(Arquivo / SOS Notícias do RN)
Para minimizar os riscos de uma nova explosão criminosa, Robson informou à reportagem que a agência ganhou um moderno sistema de segurança, com câmeras de monitoramento em tempo real pela Central em Brasília. Outro ponto que garante uma maior tranquilidade do gerente quanto aos atentados á bancos, é um dispositivo de segurança implantado no cofre-forte que destrói todas as cédulas quando o objeto sofre algum impacto.

"Além do programa de vigilância por câmeras de Apodi, no qual foi apoiado pelo banco, a gente entrou agora com o sistema de cofre inteligente, que é um cofre que funciona destruindo todo o numerário que tiver dentro, caso sofra algum impacto. É um sistema de segurança muito moderno, e essa agência, acredito eu, que é a única em todo o estado a possuir esse equipamento", informou. "Nós também deixamos de abastecer as máquinas com numerários que permaneçam até de manhã, justamente pra evitar qualquer outro atentado".
type='text/javascript'/>