sexta-feira, 8 de maio de 2015

Universitários apodienses convocam manifestação nesta segunda (11)

Da Redação / SOS Notícias do RN
Foto: Josemário Alves / Arquivo

Em busca de uma solução para a problemática dos transportes universitários, que se arrasta há mais de sete meses, estudantes do ensino técnico e superior realizarão na tarde da próxima segunda-feira (11) uma nova manifestação no município de Apodi.


De acordo com nota divulgada nas redes sociais, a concentração acontecerá na Praça Robson Lopes, no centro da cidade, a partir das 17h. A nota convida também os pais e população em geral.

Centenas de estudantes estão sendo prejudicados, tendo inclusive que tirar do próprio bolso cerca de R$ 200,00 mensais para contratação de veículos particulares. Um valor que muitos não dispõem.


Segundo a matéria vinculada no Portal Mossoró Hoje, os estudantes mais carentes temem trancar o curso. 
Se o problema dos transportes não for resolvido logo, infelizmente não tem como concluir o curso”. Disse o estudante Yam Silva, que cursa o 3º período de Geografia na Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (UERN).

Relembre o caso:
A problemática dos transportes universitários teve início no final de outubro de 2014, quando os estudantes denunciaram os veículos irregulares e superlotados à Polícia Rodoviária Federal.


Na época, a PRF multou os motoristas diversas vezes, fazendo com que os mesmos deixassem de prestar o serviço de transporte à prefeitura.

Após 21 dias sem poderem se deslocar até as instituições de ensino na cidade de Mossoró, os universitários decidiram contratar, por conta própria, os mesmos veículos que denunciaram.

Muitos dos estudantes optaram por residir, temporariamente, em Mossoró.

Concluído o semestre, o prefeito de Apodi Flaviano Monteiro tentou, através da criação de um programa de bolsas, resolver a problemática em evidência, mas o projeto do gestor foi reprovado pela Câmara Municipal.

Segundo a entidade que representa os estudantes técnicos e universitários do município, AENTS, o programa proposto não contemplava toda a classe, além de não garantir, por completo, o transporte daqueles que seriam beneficiados.

Programa "Transformação":

O programa “
Transformação” que visava garantir transporte gratuito a estudantes técnicos e universitários de Apodi até as cidades de Mossoró e Caraúbas iniciou-se no ano de 2013, com a posse do então prefeito eleito, Flaviano Monteiro. O projeto foi uma promessa de campanha que beneficiou centenas de estudantes durante a sua existência.

O "Transformação" começou a falhar no início de 2014, devido ao grande número de jovens que ingressara no ensino médio técnico e superior. A prefeitura alegou não ter recursos para disponibilizar veículos em número suficiente aos estudantes, e os universitários decidiram por contratar veículos extras.

Em fevereiro de 2015, durante discussão sobre as possíveis formas de resolver a problemática, o líder do prefeito na Câmara, o vereador Genivan Varela (PC do B) declarou que o Transformação foi um erro.

Saiba mais:
“O Transformação acabou! Foi um erro, o projeto foi errado!”, disse o 
vereador líder do governo apodiense Genivan Varela (PC do B), durante audiência pública
type='text/javascript'/>