terça-feira, 25 de outubro de 2016

​Dona de casa procura filha desaparecida há mais de um mês em Apodi

(Foto: Cedida / Arquivo Pessoal)

Do portal Mossoró Hoje

A dona de casa Iracema Costa de Farias está desesperada procurando sua filha Gilnaria da Silva Souza, de 28 anos, que está desaparecida desde o dia 12 de setembro.

Gilnaria, mais conhecida como Lagartixa”, mora sozinha no município de Apodi e sofre de problemas com drogas. A família pede ajuda para encontrá-la.

O portal de notícias MOSSORÓ HOJE entrou em contato com a dona de casa Iracema Costa e ela, emocionada, afirmou que está há dias sem ver a filha e isso está a preocupando muito.

“Faz tempo que ninguém aqui vê ela, estamos muito preocupados”, afirma Iracema, que mora em Felipe Guerra, há 34 quilômetros de Apodi.

Iracema conta que muitas pessoas já chegaram a dizer que viram Gilnaria no início de outubro em Apodi, mas acredita que seja boato. “Tem muita conversa. Alguns dizem que viram em tal canto, outros dizem que viram em outro canto, já não sei em quem acreditar”, diz.

A dona de casa já compareceu à Delegacia de Polícia Civil de Apodi para fazer um Boletim de Ocorrência. Também vou lá, porque me ligaram dizendo que viram ela na Paraíba, aí vou pedir para o delegado de Apodi entrar em contato com o de lá para saber, destaca.

Gilnaria da Silva vive pelas ruas da cidade de Apodi. Ela já sofreu uma tentativa de homicídio em julho de 2014, com tiros e golpes de faca. O suspeito chegou em uma motocicleta e a agrediu. Na época, ela ficou gravemente ferida e foi levada para o hospital local.

Leia também:
Mulher é gravemente ferida a tiros e golpes de faca na cidade de Apodi

Em janeiro de 2015, Gilnaria se envolveu novamente em caso semelhante. Desta vez, ela foi apontada como suspeita. Após discutir com uma mulher, Gilnaria teria tentado feri-la com golpes de faca.

Leia também:
Usuária de drogas discute com mulher e tenta feri-la com golpes de faca em Apodi

Quem souber de alguma informação sobre Gilnaria, pode entrar em contato pelo telefone: (84) 99816 7956.


type='text/javascript'/>