quinta-feira, 27 de outubro de 2016

“Mais comum do que se imagina”, alerta veterinário sobre câncer de mama em pets

(Foto: Divulgação)
 
Assim como nos seres humanos, o câncer de mama também está presente no mundo animal. A doença comumente vista em mulheres, pode ocasionar sérios problemas em cadelas e gatas, inclusive a morte.

A campanha “Outubro Rosa Pet” chama a atenção para a prevenção do câncer de mama nos animais de companhia. O diagnóstico de câncer de mama se faz pela observação de nódulos, pólipos ou aumento de volume no tecido mamário.

Segundo o médico veterinário Pollastry Diógenes, é de suma importância que os donos atentem para a necessidade dos exames periódicos e no diagnóstico precoce da doença, quando normalmente ainda não há sinal de desconforto ou dor.
(Foto: Josemário Alves)
 
No caso de detecção de câncer, o tratamento é sempre cirúrgico.

No Centro Veterinário Pollastry Diógenes (CVPD), em Apodi, os exames são feitos com quase 100% de certeza e, se for preciso cirurgias, a clínica conta com equipamentos de ponta para garantir o máximo de conforto e saúde para o seu animalzinho.

“Câncer é coisa séria, e se tratando de pet’s dobra a preocupação. Essa doença em pets é mais comum do que se imagina. Por isso, nós trabalhamos com o que há mais sofisticado para tratar a doença e, principalmente, evitar que ela retorne”, destaca Pollastry.
 
 
type='text/javascript'/>