domingo, 9 de outubro de 2016

Prefeito de Apodi perdeu quase dois votos para cada dia de gestão

(Foto: Josemário Alves)

Eleito em 2012 com 13.057 votos, o prefeito de Apodi Flaviano Monteiro (PCdoB) foi derrotado nas eleições de domingo passado (02) com quase 2,5 mil votos a menos do que na campanha anterior. A subtração resulta em uma perda de 2.405 votos no intervalo das duas eleições.

Até ser derrotado nas urnas, Flaviano governou três anos e nove meses, o equivalente a 1.371 dias.

Fazendo um cálculo simples, onde divide-se a quantidade de votos perdidos por tempo de mandato, é possível afirmar que o prefeito perdeu 1,75 votos a cada dia de sua gestão, ou seja, quase dois votos por dia. 

A cada rally realizado, a cada obra inaugurada e a cada dia sem fazer nada eram dois eleitores que votaram nele desaprovando a gestão.

Atualizado às 14h50
type='text/javascript'/>