domingo, 1 de janeiro de 2017

Criança de 2 anos é estrangulada em Apodi; pais são os principais suspeitos

(Foto: Polícia Civil / Cedida)
 
Um casal apodiense está sendo apontado como principais suspeitos de estrangular o próprio filho, uma criança de apenas 2 anos, no município de Apodi. O fato aconteceu na última quarta-feira, 28 de dezembro.

Segundo informou o agente Wilson Fernandes ao Blog do Josemário.com, o caso chegou até a polícia somente depois que a criança foi internada na UTI do Hospital Wilson Rosado, em Mossoró.

A equipe médica desconfiou do tipo de lesão no pescoço do garotinho e acionou a Polícia Civil.

Com versões suspeitas da história, os pais foram conduzidos até a Delegacia de Plantão, onde prestaram depoimentos. O agente Wilson destacou que eles não souberam explicar a origem das lesões e esconderam a gravidade da situação.

“O Casal se limitou a negar que tenham agredido o filho e que não sabem o que causou. Muito nervosos e dizendo coisas sem nexo”, relatou.

Além dos hematomas na região do pescoço, a criança também apresentava quadro de desnutrição e desidratação. Wilson revelou que a equipe médica também expediu relatório que confirma maus tratos e asfixia mecânica por estrangulamento.

Após serem ouvidos, o casal foi liberado, mas seguem em investigação.

O garotinho está internado em coma induzido, na cidade de Mossoró, para tentar evitar danos cerebrais.

Questionado pelo Blog do Josemário.com sobre os motivos do estrangulamento, Wilson disse que ainda está sob investigação e que só será divulgado após a conclusão do inquérito.


type='text/javascript'/>