segunda-feira, 10 de abril de 2017

Há 100 dias na prefeitura, Alan destaca avanços e diz que ainda há muito o que fazer

(Foto: Josemário Alves)
O prefeito Alan Silveira (PMDB), e a vice-prefeita, Hortência Regalado (PSDB), completam nesta segunda-feira (10) cem dias no comando da Prefeitura Municipal de Apodi. A data comemora várias ações desenvolvidas na cidade e a presença constante do gestor nas ruas.

“Ainda há muito que fazer, mas já vemos a diferença do nosso mandato. Ao lado do povo caminhamos e construímos um trabalho pautado em parceria, diálogo e muita força de vontade”, destaca o prefeito.

Alan Silveira elenca diversos avanços na educação e na saúde pública, como um dos grandes destaques nesses primeiros meses de trabalho. Citou como exemplo a valorização dos professores, o convênio dos transportes escolar e universitário, o convênio com a maternidade e com o hospital regional, além da disponibilização de várias especialidades médicas e exames na Secretaria de Saúde.

Outras ações que merecem destaque foram a limpeza da lagoa e do complexo turístico da barragem, programa corte de terra, iluminação pública, reajuste salarial dos servidores, março lilás com mais de 1.500 mulheres atendidas, carnaval dos idosos e das crianças, operação tapa-buracos, parcerias com associações e jogos pré-carnavalescos.

(Parceria com associações rurais para abastecimento - Foto: Josemário Alves)
O prefeito afirma que sua principal dificuldade nesses 100 dias de governo foi organizar a casa, principalmente consertar o maquinário das secretarias de Urbanismo, Obras e Agricultura, que estava todo sucateado.

Questionado sobre qual nota daria para o seu trabalho à frente da Prefeitura de Apodi, Alan disse que sete representa bem o seu mandato até então. Ele explicou que tem feito o possível e o impossível, trabalhando até 14 horas por dia e nos fins de semana, mas que ainda há muito o que melhorar.

Sobre as perspectivas para o futuro, o prefeito revelou que o povo apodiense pode esperar muito trabalho e ações daqui para frente. “Nossa meta é ampliar as parcerias, tanto públicas quanto privada. Também temos bastantes obras previstas em todas as áreas com recursos próprios e emendas”, conclui Alan.


type='text/javascript'/>