segunda-feira, 1 de maio de 2017

Ex-presidiário é assassinado com tiros na cabeça enquanto caminhava pelas ruas de Apodi

(Foto: Arquivo / Polícia Militar)
O ex-presidiário André Anderson Rebouças da Silva, mais conhecido por “Melão”, de 24 anos, foi assassinado na manhã de domingo (30) enquanto caminhava pelas ruas de Apodi, no Oeste do Rio Grande do Norte. Os tiros atingiram a sua cabeça e ele teve morte no local.

Segundo informações da Polícia Militar, a vítima estava por trás do Muralhas Club, quando foi alvo do ataque. Os tiros partiram de dois homens em uma motocicleta de cor vermelha. A PM não sabe o que motivou o crime.

André Anderson foi alvejado por vários tiros e morreu no local. Um mecânico de 59 anos, que estava nas proximidades, acabou sendo atingido por bala perdida e foi levado ao Hospital Regional de Apodi, sem risco de morte.

Os suspeitos fugiram sem serem identificados.

O ex-presidiário foi a décima pessoa assassinada nos quatro primeiros meses de 2017 em Apodi. Sua morte será investigada pelo delegado de Polícia Civil, Renato Oliveira.


type='text/javascript'/>