sábado, 1 de julho de 2017

Pela 2ª vez em três meses, investigado por formação de quadrilha sobrevive à tentativa de homicídio em Apodi

(Foto: Arquivo | Polícia Civil)
O servente de pedreiro Francisco Ferreira de Lima, de 50 anos, sobreviveu a sua segunda tentativa de homicídio em três meses durante a noite deste sábado (01) na cidade de Apodi, região Oeste do Rio Grande do Norte. O ataque aconteceu nas proximidades do bairro Pequé, localidade onde reside.

Segundo testemunhas, ao todo foram disparados cerca de cinco tiros contra “Titico dos Galos”, como é mais conhecido, e que somente um deles o atingiu na região do braço. A vítima foi levada ao Hospital Regional de Apodi sem risco de vida.

Esta é a segunda vez em que o servente é alvo de tentativa de homicídio. A primeira aconteceu a menos de três meses atrás e ele saiu ileso, à época.

Os motivos do crime ainda são desconhecidos. O caso deverá ser esclarecido pelo delegado Renato Oliveira, titular da Delegacia do município.

Francisco Ferreira é investigado pela Polícia Civil por formação de quadrilha e crimes contra o sistema nacional de armas. Ele foi preso no final de março, em Apodi, juntamente com outras cinco pessoas suspeitas de homicídios e tentativas de homicídios na cidade.

Relembre:
Sete pessoas são presas com arma, munições, drogas e dinheiro em Apodi
Delegado confirma que grupo preso em Apodi estava aterrorizando a cidade

Segundo o Tribunal de Justiça, dos seis suspeitos presos na época, somente três continuam detidos em unidades prisionais do Estado. Francisco Ferreira foi um dos liberados para acompanhar o processo em liberdade.

type='text/javascript'/>